Num mercado com excesso de estímulos de todas as ordens, o relacionamento das empresas e marcas com o consumidor sofre mudanças constantes. Se antes as campanhas de publicidade e marketing tinham uma “receita” mais ou menos conhecida, que envolvia um posicionamento em mídias já determinadas, hoje a divulgação está pulverizada. Em diversos setores, o que funcionava há cinco anos, não faz mais sentido. E até o que deu resultado no ano passado, este ano precisa ser revisto.

A primeira pergunta que todo empresário, empreendedor, ou profissional preocupado com os resultados da empresa deve fazer é: qual valor estamos entregando ao mercado? Sim, porque mesmo que você e sua equipe conheçam as características dos produtos ou serviços da empresa, é importante conhecer o valor entregue.

Se o objetivo é ter um relacionamento bem-sucedido com o consumidor, então seu produto ou serviço precisa resolver um problema, encontrar uma solução, melhorar de alguma forma a vida das pessoas.

É preciso verificar com seus colaboradores, conferir se todos estão alinhados e até convencidos da existência deste valor. Caso contrário, será necessário um esforço excepcional para chegar ao mercado com a sua oferta.  E será ainda mais complexo gerar um relacionamento de qualidade e duradouro.

A partir de um bom planejamento de comunicação, a empresa mantém a conexão da equipe com o cliente e consegue criar uma proposta que seja tangível, acessível e que tenha relevância. Este e o momento ideal em que o cliente tem todas as condições para decidir!

Regiane Alves